Home Notícias Internacional Romney consolida liderança na corrida pela indicação republicana

Mídias Sociais

Facebook Twitter RSS Feed 

Newsflash

Governo anuncia incentivo fiscal para setor de TI

A partir de hoje (01), o Governo amplia os incentivos tributários para o setor de TI e a redução de impostos, passando de 2,5% para 2% e de acordo com a Associação Brasileira das Empresas de TI (Brasscom) a economia para empresas pode chegar a R$ 1 bilhão por ano.

Leia mais...
Follow us on Twitter

Quem está on-line

Nós temos 61 visitantes online
Banner
Banner
Romney consolida liderança na corrida pela indicação republicana PDF Imprimir E-mail
Escrito por Marcio Leal   
Seg, 06 de Fevereiro de 2012 23:56

O ex-governador de Massachussets Mitt Romney venceu a prévia do Estado americano de Nevada, no sábado, consolidando sua posição de liderança na corrida pela indicação republicana para enfrentar o presidente Barack Obama nas eleições de novembro. Com uma vantagem considerável sobre seus oponentes, mesmo antes de se finalizar a contagem dos votos, Romney garantiu a segunda vitória em menos de uma semana.

Na última terça-feira, ele já havia conquistado o primeiro lugar nas primárias da Flórida, derrotando seu principal rival republicano, o ex-congressista Newt Gingrich. Analistas dizem que a vitória em Nevada é mais um triunfo simbólico que prático para Romney, já que o Estado tem uma apenas uma pequena fatia dos delegados necessários para conseguir a indicação do partido.

O sucesso em Nevada é visto como uma oportunidade para que Romney dissipe dúvidas a respeito de sua candidatura dentro do próprio Partido Republicano e comece a se apresentar como o rival do presidente Barack Obama, o que ele já fez no discurso de sábado.

Em um ataque direto ao presidente democrata, Romney dissse que as políticas econômicas do atual governo dos Estados Unidos fizeram “estes tempos difíceis se prolongarem”.

“O presidente Obama parece acreditar que o papel da América como líder no mundo é coisa do passado. Eu acredito que o século 21 será e precisa ser um século americano”, disse ele sob aplausos de seus partidários.

Mórmons

As vitórias recentes de Romney podem ter esvaziado a ameaça apresentada por Gingrich à sua pré-candidatura, mas o ex-congressista disse que as derrotas não vão tirá-lo da corrida.

Gingrich afirmou que já esperava que Romney vencesse em Nevada, em parte devido ao fato de que grande parte da população do Estado é mórmon, como Romney.

“A minha campanha já me colocou em primeiro lugar por duas vezes e eu suspeito que isso voltará a acontecer até a primária do Texas (no dia 3 de abril). Esta é, de fato, uma campanha nacional”, disse ele à imprensa:

– Pretendemos competir em cada Estado do país e eu acho que vocês podem acreditar que seremos competitivos em cada Estado do país.

Ainda estão na disputa republicana outros dois candidatos: Rick Santorum e Ron Paul.

O candidato republicano será formalmente escolhido por delegados em uma convenção do partido em agosto deste ano.

Fonte: Jornal Correio do Brasil, em 05/02/2012

 

LEIA TAMBÉM:

 
 
Banner
Banner