Home Notícias Acontece nos Estados Programa abre 1.570 vagas para cursos

Mídias Sociais

Facebook Twitter RSS Feed 

Newsflash

Governo prepara incentivo para hotel e linha de crédito para turismo interno

Depois de um ano no cargo, o ministro do Turismo, Gastão Vieira, mudou o discurso inicial, revisou metas e relaxou medidas tomadas no começo de sua gestão para conter irregularidades com o uso do dinheiro público. O desafio, no entanto, continua o mesmo: ele quer despertar o interesse dos brasileiros em conhecer o próprio país e melhorar a qualificação dos trabalhadores.

Leia mais...
Follow us on Twitter

Quem está on-line

Nós temos 24 visitantes online
Banner
Banner
Programa abre 1.570 vagas para cursos PDF Imprimir E-mail
Escrito por Marcio Leal   
Seg, 23 de Abril de 2012 12:50

O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) terá as matrículas reabertas com 1.570 vagas para cursos profissionalizantes gratuitos ainda no primeiro semestre de 2012, segundo informações da Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Direito do Cidadão (Setad).

A pré-matrícula acontece a partir de segunda-feira e vai até dia 4 de maio, das 8 às 12h e das 13 às 17h nos postos do Serviço de Intermediação de Mão de Obra (Simm) localizados nos bairros do Cabula VI, Comércio, Fazenda Grande II e Boca do Rio; na Central de Informação da Assistência Social (Cias) da Av. Djalma Dutra; Organização de Auxílio Fraternal (OAF) na Lapinha; e no Centro Social Urbano (CSU) de Castelo Branco.

As aulas começam no dia 14 de maio e todos os alunos matriculados e assíduos receberão transporte e lanche. No período final das aulas, os alunos têm chance de serem encaminhados ao mercado de trabalho.

As aulas serão ministradas pelo Senai e Senac, que disponibilizarão 55 turmas para cursos em áreas como construção civil, hotelaria, indústria, alimentícia e informática.

O Pronatec contempla as pessoas que preenchem os pré-requisitos determinados pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e pelo Ministério da Educação (MEC). É preciso ser beneficiário do Bolsa Família ou dependente, ter entre 16 e 59 anos e possuir o Número de Inscrição Social (NIS), não havendo limite de participantes por família.

A secretaria ressalta que quem recebe o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC), não perde o benefício ao fazer a matrícula no curso. Para efetivar a inscrição no programa, é necessário apresentar apenas CPF e NIS.

Fonte: Jornal Tribuna da Bahia, em 21/04/2012

 

LEIA TAMBÉM:

 
 
Banner
Banner