Home Notícias Desenvolvimento Social Economia Solidária recebe aporte de R$ 24 milhões

Mídias Sociais

Facebook Twitter RSS Feed 

Newsflash

Ciências Sem Fronteira manda 6,7 mil pesquisadores brasileiros para o exterior

Mais de 6,7 mil brasileiros já foram beneficiados pelo programa Ciências Sem Fronteira, que financia estudos para pesquisadores no exterior. Os dados fazem parte de balanço, divulgado pelo ministro de Educação (MEC), Aloizio Mercadante.

Leia mais...
Follow us on Twitter

Quem está on-line

Nós temos 57 visitantes e 1 membro online
  • WendellJicle
Banner
Banner
Economia Solidária recebe aporte de R$ 24 milhões PDF Imprimir E-mail
Escrito por Marcio Leal   
Ter, 17 de Julho de 2012 23:46

Prefeituras de 42 cidades vão receber R$ 24 milhões para desenvolver projetos de economia solidária, ação do Plano Brasil Sem Miséria. Os recursos foram disponibilizados por meio de termo de cooperação firmado entre o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), publicado no Diário Oficial da União em 4 de julho.

Ao todo, 97 municípios participaram do edital 003/2011, do MTE. A meta neste ano é beneficiar cerca de 25 mil pessoas em situação de pobreza extrema em todo o país. Em 2011, foram firmados sete convênios, que beneficiaram 340 empreendimentos e mais de 6,4 mil pessoas.

Para o diretor de Inclusão Produtiva do MDS, Luiz Muller, a parceria promove desenvolvimento e inclusão social. “Apoiar projetos de economia solidária possibilita que as pessoas construam alternativas de renda a partir de uma visão mais coletiva, constituída em cooperativas ou grupos de produção”, afirma.

Os 42 projetos selecionados estão organizados em quatro eixos: “Organização Sociocomunitária”, que visa gerar capacitação e espaços para potenciais investimentos e desenvolvimento; “Formação e Assessoria Técnica”, que vai oferecer capacitação em economia solidária e assistência aos empreendimentos; “Investimentos e Finanças Solidárias”, que incentiva programas de microcrédito; e “Organização da Comercialização Solidária”, que apoiará as iniciativas de inserção dos produtos e serviços no mercado.

Fonte: Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, em 13/07/2012

 

LEIA TAMBÉM:

 
 
Banner
Banner