Home Campanha Dilma 2010 Como foi a campanha Dilma foi eleita só por causa do Nordeste? Bobagem e preconceito

Mídias Sociais

Facebook Twitter RSS Feed 

Newsflash

CUT diz que irá às ruas para defender réus do mensalão

O novo presidente da CUT (Central Única dos Trabalhadores), Vagner Freitas, 46, diz que pode levar às ruas a força da maior central sindical do país para defender os réus do mensalão, que começarão a ser julgados pelo Supremo Tribunal Federal em agosto.

Leia mais...
Follow us on Twitter

Quem está on-line

Nós temos 18 visitantes e 1 membro online
  • alderramamarc
Banner
Banner
Dilma foi eleita só por causa do Nordeste? Bobagem e preconceito PDF Imprimir E-mail
Escrito por Marcio Leal   
Ter, 02 de Novembro de 2010 12:09

Hoje pela manhã, eleitores do candidato derrotado à presidência da República, José Serra (PSDB), lançaram pela Internet uma campanha de ódio, altamente preconceituosa contra o Nordeste, responsabilizando aquela região pela eleição da presidente Dilma Rousseff (PT). (entenda a polêmica nessa reportagem do Terra)

De fato, foi o Nordeste que deu a maior vantagem para Dilma (70,4% dos votos válidos), seguido pelo Norte (57,4%), mas ainda que José Serra tivesse empatado com Dilma nas duas regiões, ele teria perdido a eleição, simplesmente, pois Dilma venceu no Sudeste, região mais populosa do Brasil (51,9%) e a votação do tucano no Sul (53,9%) e no Centro-Oeste (50,9%, quase um empate) ficou aquém do esperado. Ou seja, a vantagem que Serra conseguiu no Sul (1.226.485 votos) e no Centro-Oeste (128.995) ficou aquém vantagem que foi imposta por Dilma no Sudeste. O Norte e, principalmente, o Nordeste só fizeram a vantagem de Dilma aumentar.

Veja na imagem votação por Estados e Regiões (clique para ampliar)

Agora mesmo se Dilma tivesse sido eleita apenas graças ao Nordeste e Norte, qual o problema nisso? Democracia é isso: o voto de cada um, rico ou pobre, branco ou preto, doutor ou operário, vindo de qualquer lugar, vale o mesmo. E assim mesmo tem que ser.

O resto é ressentimento de quem perdeu misturado com sentimentos totalitários, de quem acha que pobre não sabe votar e que o governo deve ficar nas mãos da minoria, da elite.

Fonte: Blog do Campbell, em 01/11/2010

 
 
Banner
Banner